sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

De passo.

Meu salto agulha
vai costurando por aí
as suas linhas de expressão
tão rotineiras.
Mas
de passo a passo
passo.

25 comentários:

Rafael disse...

Vai lá Katrina, mostra pra eles, pisa neles com seus salto agulha e costura a cabeça deles.

.Leonardo B. disse...

[onde há um momento contrito, há também espaço para uma ruptura, uma fisga com pedra para o espaço; afinal, onde se pode enterrar um grito de defunto?]

um imenso abraço, Katrina

Leonardo B.

The Blues Is Alright disse...

Leva pra casa.

Mais um imundo no mundo impuro. disse...

Nossa Katrina, se não me engano é a primeira vez que encontro os versos seus. Gostaria de encontra-los mais vezes.


Abraços

Vital disse...

sem nunca deixar de passar.

lucas gandin disse...

ótimo

Daiana Costa disse...

Este é o jeito mais simples que a mulher tem de dar um passo de cada vez.

Mai disse...

Segure a onda e não caia nem saia do salto.

Natália Corrêa disse...

como tudo

Luna Sanchez disse...

Gostei, salto agulha é o que há.

ℓυηα

Ferdi disse...

Passos passam, passos pulsam.

Agrício disse...

Um passo para igualar aos belos versos e poemas de leminski, dos quais eu admiro tanto e acho tão foda de fazer. Bom texto, garota.

Marcel Hartmann disse...

É verdade, tu tem cara de quem gosta de Leminski!

Marcos Andrade disse...

Mas, esse salto agulha, essa agulha... fere?

Ou é como a lança de Aquiles: que feria e curava?

Mikaele Tavares disse...

E passo a passo ele vai mostrando o caminho para vc!

Beijos

Ná Lima disse...

Um passo de cada vez, com calma.

Rene Serafim - "Juninho" disse...

além de costurar, ele escreve...

Felipe A. Carriço disse...

Tem uns que costuram no trânsito, outros... na calçada.

Felipe A. Carriço disse...

Tem uns que costuram no trânsito, outros... na calçada.

Wilson Torres Nanini disse...

A melhor poesia, atualmente, é que congrega síntese e teor de interação com o cotidiano. Seu poema é um espécime dessa linhagem.

Junker disse...

De passo a passo dá para matar qualque um.

Francisco Jamess disse...

passa no meu blog, sumida! huauauhaua

a gente não pode deixar esses poemas curtos sumirem da cabeça.

eles valem a pena
sim.

Picles disse...

Fato: primeira vez que te vejo em versos.
Surpreendente

EFS*** disse...

Salto Agulha *--*

Nasca disse...

mais passa, com passos, mais fica.. você sabe né? são as marcas, baby.

:*